Recados e Novidades

Meu facebook:
http://www.facebook.com/?ref=tn_tnmn

Para troca de livros:

Projeto Palavras Cruzadas:

"Já é vender a alma não saber contentá-la." Albert Camus - O Mito de Sísifo.

O projeto 'Palavras Cruzadas' promove encontros mensais (segundo sábado de cada mês) em que são lidos e discutidos trechos de obras importantes da literatura e filosofia surgidas à partir do século XX.

No encontro do dia 13/07 o livro utilizado será 'O Mito de Sísifo' de Albert Camus.

O evento começa às 15h30min.

A coordenação é de Vanessa Molnar, historiadora (USP) e escritora e Fábio Donaire, estudante do Bacharelado em Ciências e Humanidades (UFABC). Estamos localizados na Rua Professor José Franco, 166 – Bangu (a 10min da UFABC de Santo André, na rua do restaurante Frangasso).

A entrada é franca.


quarta-feira, 18 de novembro de 2009

A MENINA DO OLHO DE VIDRO E O MENINO DO QUADRO TRISTONHO


-Você não jogou este quadro fora? – Disse a esposa raivosa.

-Eu não sei o que acontece! – Respondeu o marido surpreso. – Eu jogo-o fora, mas parece que ele sempre volta pro mesmo lugar...

-Ah não tenho tempo! – Interrompeu a esposa. Estou indo para minha viagem, beijos!

Ela pegou o carro e foi embora, o marido ficou olhando para o quadro do menino tristonho, pensando:

-Como ele havia voltado para a parede? -Mas acabou deixando pra lá.

Deitou-se no sofá e cochilou o resto da tarde, subitamente acordou com um trovão vindo da tempestade de verão que caía, assustado, deu de cara com o menino tristonho que soluçava a sua frente, dando-lhe grande pavor.

Chacoalhou a cabeça, olhou novamente e não havia nada, o quadro estava lá na parede, nada de anormal, sentiu um alivio, deu uma gargalhada e foi até a cozinha tomar um copo da água.

Ainda um pouco ressabiado, se aproximou do quadro, pois pretendia jogá-lo fora de uma vez por todas, mas num rápido olhar pela janela, viu uma coisa inacreditável:

Uma menina brincando naquela chuva torrencial, então abriu a porta e gritou:

-Hei menina, venha para cá!

Ela se aproximou e o olhou, um de seus olhos era de vidro, foi alegremente para dentro da casa, ele achou estranho e sentiu um arrepio na espinha macabro e perguntou intrigado:

-O que aconteceu com o seu olho?

-Nada! – Respondeu com voz angelical.

-Você quer alguma coisa? – Ele perguntou sentindo compaixão da menina, pois pensava que alguém havia lhe feito alguma maldade.

-Sim! – Respondeu envergonhada a menina. – Queria brincar de bolhas de sabão!

-Está bem! – Ele deu um sorriso pra ela.

Foi até a cozinha e trouxe um copo com água, sabão e um canudinho, ela começou a brincadeira, fazendo muitíssimas bolhas de sabão, o homem ficou encantado, parecia que uma música suave tocava no ar.

Ele virou-se para pegar mais água e sabão, porém tomou o maior susto de sua vida, o menino tristonho estava por detrás, chorando e soluçando, com uma foice na mão, e num rápido movimento cortou as pernas do homem.

Aquele homem ficou várias horas sangrando, até que suas pernas gangrenaram, nessas horas todas, ficou sempre observado pela menina do olho de vidro fazendo bolhas de sabão e do menino tristonho chorando sem parar.

Até que não resistiu e morreu, então o menino tristonho que não continha seu choro, perguntou a menina:

-Para aonde iremos agora?

-Para aonde tiver um quadro seu!

E os dois saíram de mãos dadas, já no final da madrugada, entre bolhas de sabão e choros, indo para a próxima casa, para a próxima vitima...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Esse blog usa moderação em menos de 24h seu comentário será exibido, desde que seja relevante.

 
BlogBlogs.Com.Br diHITT - Notícias